2017 – celebrando 500 anos da Reforma Protestante

“E conhecereis a verdade , e a verdade vos libertará” (Jo 8.32).

Neste ano de 2017, celebramos 500 anos da Reforma Protestante.

Tudo começou com Lutero (1483-1546). Católico, monge agostiniano, sincero e sério – segundo biografias que grassam na Internet.  A mais pura verdade.

A rigor, a Reforma foi iniciada pelo próprio catolicismo romano, na pessoa de seu monge Lutero, que não mais suportava as mentiras, as heresias, a devassidão, a luxúria e outras adjetivações afins.

Não fosse Lutero – dentre outras coisas, não teria havido o Concílio Vaticano II (1961-1965). Iniciado pelo papa João XXIII e concluído pelo papa Paulo VI. Eis onde eu quero chegar: estaríamos nós, os verdes-e-amarelo, rezando (ou dizendo) missa em Latim! Veritas est!

Ouço vozes esgarçadas a clamarem por uma outra Reforma, desta feita, em meio ao arraial dos protestantes – sim, esta casta onde alguns pensam ser infalíveis e únicos representantes do Espírito Santo na terra! Vade retro satana!

Minha proposta é simples – talvez simplória: os bons, os sérios, os sinceros, a gente de Deus, que tem juízo, alguma leitura, capacidade analítica e alguma coragem devem deixar a clausura, devem deixar o silêncio obsequioso, devem deixar de ser MEDROSOS E COVARDES e – ao fim e ao cabo – denunciar os maus protestantes, os larápios, os malíssimos bispo$-bispa$, apó$tolo$-apóstola$ et caterva, especialmente alguns televangelistas que cruzam os ares em seus aviõezinhos e helicópteros “da hora”!

Mais poderia eu aqui escrever. Mas, basta – por enquanto.

Viva a Reforma! Reforme-se você também – ainda hoje!

Paulo César Sampaio

Pastor e radialista em

http://www.radiobenedictusfm.com

5585 9 9982 1165 WhatsApp

Skype pcesarsampaio

Indução do bem – sempre!

“Induzo o coração a guardar os teus decretos, para sempre, até ao fim” (Salmo 119.112)

Falar de indução, desde já, suscita certa preocupação. Ninguém, ninguém gosta de ser induzido, principalmente para o mal.

Poucos sabem que há uma “indução do bem”, ou seja, aquela que cada um pode fazer em si mesmo – e para o bem!

A rigor, a melhor das induções é aquela que a gente faz conscientemente – e para sempre – e até ao fim: leitura da palavra de Deus em doses diárias, quase homeopáticas.

Por que este texto é, assim, tão curtinho!? Ora, ele deve(ria) ser a sua “dose diária de indução do bem”!

Passe bem! Fique bem! Volte sempre a este nosso poço do bem!

PCSampaio

Pastor e radialista

5585 9 9982 1165 WhatsApp

Skype pcesarsampaio

Email paulocesar@benedictus.com.br

https://www.facebook.com/pcesarsampaio

 

Em 2017, que você continue pobre e necessitado…!!!

“Eu sou pobre e necessitado, porém o Senhor cuida de mim (…) Salmo 40.17a

Desde a fundação do mundo que o dinheiro foi “inventado”. Genial criação da humanidade, onde cada nação tem o seu em cores e valores diferentes, para uso do bem ou do mal!

Cumpre-me dizer a verdade: dinheiro é “papel”, onde nele se dá um valor qualquer e todos o aceitam passivamente. Ou seja, o mesmo papel que imprime uma nota de 2 reais, também nele se faz uma outra nota de 5, de 10, de 20, de 50 e de 100. O papel valor nenhum tem, a não ser que nele se imprima um.

A nossa relação com o dinheiro diz muito sobre os nossos valores. “Dai a César o que é de César; e a Deus o que é de Deus”, disse Jesus de Nazaré . Temos que saber quem é – a rigor – o nosso Deus.

Conheço alguns ricos em papel-moeda; e paupérrimos em valores e princípios morais. De tudo fazem para a obtenção do metal; em detrimento de suas almas e espíritos, que morrem à míngua a cada dia, a cada dia, a cada dia…

No Velho e Novo Testamentos, a maioria do povo de Deus é pobre em moedas; e riquíssimo em valores, princípios, afetos e cuidados de um para com o outro. Importa o ser; não o ter por ter, a qualquer prêço.

De minha parte, continuo pobre em papel-moeda e necessitado dos cuidados divinais. O Senhor tem cuidado de mim, apesar de mim.

Ninguém pode servir a dois  senhores: a Deus e ao dinheiro! Que em 2017, você continue “pobre e necessitado”.

Paulo César Sampaio

Pastor e radialista

5585 9 9982 1165 WhatsApp

Skype pcesarsampaio

Email paulocesar@benedictus.com.br

https://www.facebook.com/pcesarsampaio

Então é Natal – de novo!

Jesus nasceu em Belém de Judá  […]” Mateus 2.1a

Todos sabem que Jesus Cristo nasceu em Belém de Judá (Israel).

Ninguém sabe, ao certo, em que dia Ele nasceu. A verdade é que a data não tem importância para fins “de salvação”.

O Império Romano convencionou 25 de dezembro a fim de “cobrir” festas politeístas vigentes à época. O mais provável é que Ele tenha nascido no início de janeiro, ou mesmo em fevereiro.

O cristianismo sempre teve enorme poder de aculturar os convertidos.

Portanto, não é “pecado” (jamais será) ter-se em casa:

1. Árvore de Natal;
2. Panettone e outras guloseimas;
3. Recreações tipo amigo-secreto.

Se o meu leitor leu e/ou viu de alguém que tais coisas são “pecados”, perdoe-lhe a profunda incultura bíblica e a estupenda ignorância, além do talento natural de ser um desmancha-prazer.

Feliz Natal!

Paulo César Sampaio

Pastor e radialista

5585 9 9982 1165 WhatsApp

Skype   pcesarsampaio

Email paulocesar@benedictus.com.br

https://www.facebook.com/pcesarsampaio

 

Nada me faltará?

“O Senhor é meu pastor e nada me faltará” (Salmo 23.1) 

Frequentemente, a leitura que se faz deste verso é de que nada (material) nos há de faltar…

Ora, a realidade entre os filhos de Deus é bem outra:  há sempre algo faltando – às vezes, até mesmo o essencial.

Então, como explicar e – sobretudo entender – este verso?

  1. O Senhor (Jesus Cristo) sempre será pastor-guia daqueles que O aceitam de todo o coração;
  2. O suprimento de cada ovelha tem um tempo determinado. Ovelha não “come” o tempo todo;
  3. Enquanto o pastor alimenta outra ovelha, esta (cada um de nós) aguarda a sua vez, e com paciência;
  4. A cronologia divina difere um pouco (ou muito!) da humana. Somos apressados demais – demais…;
  5. E assim, quando pensamos que Ele já nos esqueceu, eis que o mestre vem e traz o nosso maná.

O cristianismo é religião de paciência. Espera-se com confiança no Senhor, e Ele nos ouve em meio às nossas petições.

No verdadeiro cristianismo não existem os tais “decretos”, tão comuns em alguns corações que ignoram a verdade bíblica.

Deus não se deixa intimidar por “decretos” e coisas do tipo. Afinal, Ele é soberano – e sempre será, apesar da negação de alguns.

PCSampaio

Pastor e radialista

5585 9 9982 1165 WhatsApp

Skype pcesarsampaio

Email paulocesar@benedictus.com.br

https://www.facebook.com/pcesarsampaio

Seja seletivo em quem confiar…

obras-de-arte-afremov

“Mas o mesmo Jesus não confiava neles, porque os conhecia” (Jo 2.24).

Fica sabido que todos deveriam confiar em Jesus Cristo, verdade que se prega desde a assunção dEle aos céus – e já se vão 2016 anos – ou mais um pouco! 

Fica a pergunta: Em quem Jesus não confiava!? Ora, nos religiosos e demais humanos da época, gente de alta periculosidade, mas com um discurso “politicamente correto”. E, com isso, com vãs filosofias e sutilezas, enganavam a quase todos, com exceção do Mestre, é claro!

Eis que, aqui e agora, revelo aos meus fiéis leitores, o 15º mistério: não se deve confiar 100% em ninguém – eu disse: ninguém, nem mesmo em você! Por que? Porque, muita vez, dizemos uma coisa; e praticamos outra! Paradoxo paulino, é bem verdade!

Pense nisso:

1. Jesus não confiava neles, porque os conhecia;
2. Por que você iria por sua total confiança em alguém?;
3. Gente que elogia na presença; e “detona” você na ausência;
4. Religiosos pseudo-poderosos, que enganam a muitos ingênuos e simplices na fé;
5. Conheça a verdade e você poderá perceber as heresias- as mais sutis.

Faça isso:

1. Ore;
2. Leia a Bíblia, em mais de uma versão;
3. Leia bons autores. Seja seletivo;
4. Use boas concordâncias;
5. Não se deixe enganar por hereges – jamais. Eles estão em todos os lugares – até mesmo no púlpito de uma igreja.

Deus tenha piedade de todos – a começar de mim.

Paulo César Sampaio
Pastor/radialista e radical-bíblico-conservador-pesquisador.
5585 9982 1165 WhatsApp
Skype pcesarsampaio

https://www.facebook.com/pcesarsampaio

Agenda aberta 2017

img_2538

AGENDA ABERTA 2017

Você e sua Igreja realmente se importam com a palavra de Deus, ou a ministração não passa de 15 minutos? Antes tem 1 hora de louvor!?

Agende ainda hoje conosco:

MINISTRAÇÕES TEOLÓGICAS
1. Estudos bíblicos específicos para obreiros.
2. Estudos bíblicos específicos para os casais.
3. Estudos bíblicos específicos para os jovens.
4. Estudos bíblicos específicos para a terceira idade.

MINISTRAÇÕES VARIADAS
1. O Evangelho no século XXI – como melhor usar a mídia.
2. Redes sociais – oportunidades e perigos.
3. Os lobos travestidos de ovelhas (na Internet, TV, Rádio, etc).
4. Como enriquecer sem ter dinheiro (mas trabalhando!!!).
5. Qualidade e quantidade – como ter as duas coisas?
6. Neo-pentecostalismo: a praga do século XXI.
7. Como ser espiritual sem ser chato! O que é espiritualidade?
8. Como conviver (e vencer!) com a depressão.

De acordo com a sua necessidade, formatamos uma ministração em consonância com as Escrituras.

IMPORTANTE
1. Nada cobro. Somente passagem + hospedagem + alimentação.
2. Você espera um ‘avivalista que toque fogo em sua Igreja’? Não me chame, por Deus, não me chame! Existem milhares por aí, e alguns são até mesmo comediantes!
3. Nossas ministrações podem ser em Português, Inglês ou Espanhol.

PCSampaio
Pastor e radialista
5585 9 9982 1165 WhatsApp
Skype pcesarsampaio
Email paulocesar@benedictus.com.br

https://www.facebook.com/pcesarsampaio

Fé pentecostal (admissão da atualidade dos dons-carismas)

penteca

“Eu vos digo que nem mesmo em Israel encontrei uma fé tão grande” (Lucas 7.9b).

Domingo é dia de Igreja – sim! Muitos que me lêem agora já foram às suas Igrejas; outros deverão ter ido – posto que lerão este artículo no correr da semana que se inicia hoje!

A frase acima foi dita por Jesus Cristo ao centurião que intercedia por seu servo.

Não era comum (nunca o foi!) um centurião interceder por um servo-escravo no Império Romano.

Mas o servo-escravo tinha valor sentimental, além do pecuniário, daí a intercessão do centurião.

Como servos-escravos de Cristo, temos muito mais valor ao Mestre.

O problema todo – verdade seja dita – é a nossa fé, ou a falta dela!

Não há razão para o desespero da falta de fé! Se nem mesmo em Israel, no tempo de Cristo, houve tanta fé assim. Hum – sinto que esta minha frase já trouxe razoável sossego-tranquilidade a muitos… Amém, por isso!

Sim – Cristo, nosso amado salvador, sabe de nossas dificuldades de crer e, sobretudo, de obedecer!

A fé vem pela leitura e o ouvir a palavra de Deus.

Procure uma Igreja séria! Ainda há muitas, graças a Deus!

Leia a sua Bíblia. Tem dúvidas? Pergunte a quem tenha competência para esclarecer. De nossa parte, estamos à disposição de todos os nossos leitores, desde sempre.

Boa semana a todos e a paz do Senhor Jesus Cristo!

PCSampaio

Pastor e radialista

5585 9 9982 1165 WhatsApp

Skype pcesarsampaio

Email paulocesar@benedictus.com.br

https://www.facebook.com/pcesarsampaio

Filho bem criado ou malcriado!?

rainy

“Que desgraça ser pai de um filho malcriado! E se é filha, a desgraça não é menor” (Eclesiástico 22.3)

Dentre os livros apócrifos, Eclesiástico é um dos meus favoritos. Há textos muito interessantes, como este verso acima.

O desejo de ser pai e/ou mãe é natural e legítimo entre todos os humanos. A chegada do rebento é motivo de profunda alegria. Celebrações há em família e entre amigos. Batizados e/ou apresentações na Igreja, dependendo da vertente cristã dos pais.

Mas, chega a hora da educação: da creche, da escolinha, do início de um convívio social e, aí, todo o cuidado é pouco. Escolher bem onde por o filho é fundamental. Escolher mal trará consequências desastrosas e desgraçadas.

Também não adianta unicamente “jogar” o filho na melhor creche-escola e pensar que tudo está feito! A verdadeira educação começa em casa. Sem amor, sem carinho, sem atenção ao filho, os pais estarão criando um “delinquente de luxo”, passageiro de um transporte escolar…

Portanto, acompanhe a educação de seu filho. Participe das reuniões na escola. Veja as notas dele. Elogie, elogie sempre o que ele fizer e vier lhe mostrar com grande alegria e expectativa. Ele espera uma palavra sua de incentivo. Quando necessário, chame a atenção dele para uma correção de nota – e rumo! Faça isso em particular; não diante de amigos dele. Respeite seu filho. Não seja estúpido!

Ter um filho malcriado é uma desgraça. Ter um filho bem criado é benção pura!

Depois da leitura deste artículo, ore por seu filho.

Paulo César Sampaio
Pastor e pai de 2 filhos-bençãos
5585 9982 1165 mobile
Skype      pcesarsampaio
E-mail:     paulocesar@benedictus.com.br

https://www.facebook.com/pcesarsampaio

Já leu a sua Bíblia hoje?

religious

“Tu, ao contrário, explica o que corresponde a sã doutrina” (Tito 2.2).

Desde a Reforma (século XV), o cristão é convocado a estudar as Sagradas Escrituras. Desconhecê-las é incorrer em gravíssimo erro – quando não em heresia, que é coisa horrenda.

Espera-se do sacerdote que ele conheça o texto sagrado e tenha capacidade para ensinar ao povo, de forma didática e sequenciada. Espera-se do cristão que ele ouça a sã Doutrina e a introjete em seu coração a fim de praticá-la no dia-a-dia. Verdade seja dita que há muitos sacerdotes que pouco ou nada sabem; pouco ou nada lêem, pouco ou nada se interessam em disciplinas correlatas à Teologia. Enfim: há sacerdotes e sacerdotes – quem lê, entenda!

No entanto, hoje em dia, grande parte do povo de Deus não vai aos cultos de Doutrina. Alguns têm justificativas (trabalho, escola etc); outros não vão porque não suportam ouvir verdades que contrariem suas convicções pessoais de determinados textos bíblicos e comportamentos alheios à vontade de Deus

Um dos princípios da Reforma é que cada um tem o direito de interpretar as Escrituras. Todavia, há um senso comum em cada vertente teológica. Procure, o meu leitor, saber qual a linha teológica de sua Igreja. Concordando, fique; discordando, saia sem alarde, sem escândalos, sem conspurcar o santo nome de Jesus Cristo – qual está bem posto nos Evangelhos.

PCSampaio
Pastor e radialista
5585 9 9982 1165 WhatsApp
Skype pcesarsampaio
Email paulocesar@benedictus.com.br

https://www.facebook.com/pcesarsampaio

« Older posts

© 2017 Benedictus

Theme by Anders NorenUp ↑